sábado, 27 de abril de 2013

"Vamos nos Jogar onde já Caímos... Tudo Novo de Novo..." ♪


Olá Pessoas! Como vão vocês? Espero que bem...


Depois de algum tempo sem postagens, pela correria do trampo novo... ISSO AE! TRAMPO NOVO!
Como o título do Post diz, "Tudo novo de novo...". Sim, é de Segunda á Sábado... Ferindo totalmente os princípios e filosofias que criei em um Post anterior.
"Façam o que eu digo, não o que eu faço..." #FIKDIK (negócio old... acho que estou ficando velha...)


E por falar em velhice... Sim, exatamente... Sábado, dia 04 de Maio, completo mais um ano de vida... Cheguei aos 19... Mas só de pensar que ano que vem faço 20 anos, a depressão chega... Então é melhor não pensar muito.. Pensar só nos presentes que quero ganhar *---*




Se bem que este ano estou deveras desanimada... As vezes mudanças repentinas interferem muito em meu humor.
Como disse, estou empregada. Foi tudo tão rápido que nem acreditei. 
Sim, voltei a ser uma escrava branca e assalariada (risos). Porém esse emprego chegou em uma hora muito conveniente. Em Julho desse Ano (2013), teremos a Edição de 10 aninhos do Anime Friends! Ou seja, hora propícia para guardar o "money que é good nóis num have..."


O trabalho nem é tão escravo assim... Sete horas por dia... T_T Bom, melhor do que continuar a Titia Rooh Chan deprimidona, morrendo nos cantos e gritando "Eu quero saláááário!"... Bem melhor .-.



Bom galerinha, por consequência dos acontecimentos acima narrados, os Posts desse humilde blog novamente serão reduzidos... Porém quero presente de Aniversário dia 04 =D

Não esqueçam de Curtir a Página no Face! Acesse a Page no Facebook do Vida de Uma Garota Nerd! clicando Aqui! e vamos ser felizes!

Beijos ♥




domingo, 7 de abril de 2013

Respeito... Palavra e Atitude em Extinção... Desabafos e Reclamações da Vida...

Boa Noite pra quem é de Boa Noite e Bom Dia pra quem é de Bom Dia!

No meu caso é boa madrugada á todos vocês... Como estão?

Hoje, como em muitos outros posts vamos jogar um pouco de conversa fora... Relaxar... Aliás, é sábado de  madrugada... Balada, bebidas... E eu aqui vendo Hora de Aventura na Cartoon (risos).

Pra falar a verdade, nem gostaria de estar em um ambiente desses. Não sou contra festas, baladas, ou qualquer outro tipo de "diversão". Até gosto as vezes... Faz bem pra saúde... Porém...

Nesse exato momento está ocorrendo uma "party" aqui na rua da minha casa. Legal. Diversão e pans... Só que nem tanto... Não estou aqui para criticar o gosto musical de ninguém, nem os modos de diversão que se  obtêm em festas desse nível. Porém, o modo com que está ocorrendo essa festa, nos dá brecha para falar sobre Respeito.

Não sou nenhuma moralista. Não sou perfeita. Mas sei o que significa respeito.

É super hiper mega legal ouvir músicas que a gente gosta. Com pessoas ao nosso redor que gostamos mais ainda. Cantar, dançar... Mas quando a diversão começa a interferir na paz de terceiros, o assunto muda. Serei mais clara...

 Moro em uma rua, onde as casas são muito juntinhas. Meu vizinho grita, eu ouço. Assim como, quando eu dou minhas gargalhadas típicas, eles também ouvem. Sou barulhenta as vezes. Muitas vezes. Só que em momentos certos...

 Já é extremamente difícil para minha pessoa em lidar com pessoas. Principalmente aquelas pessoas com gostos diferentes. Por vezes eu e minha família passamos por falhas de comunicação com vizinhos, mal entendidos, por essa deficiência na comunicação e na grande diferença de opiniões.

 Acredito nesses meus 18 aninhos de vida, a beira dos 19, que meu respeito termina aonde começa o seu. Ou o de qualquer um. E vivemos á sombra de uma sociedade tão egoísta, que por vezes, muitas pessoas ficam totalmente desacreditadas de qualquer tipo de respeito ao próximo.


Por que pra mim, é tão difícil de aceitar, que em um sábado a noite meus vizinhos façam festa?
Por que o fato de eles estarem ouvindo Funk no último volume, onde as janelas da minha casa chegam a estremecer me incomoda tanto?
Por que meus pais tentando descansar depois de uma semana de trabalho duro, chateações e todos os outros problemas de adulto, e não conseguindo, me deixa tão.... PUTA DA VIDA?

É tão engraçado como muitas vezes, a diversão do outro se torna tão insuportável para nós...

Porém, o que acho mais injusto de tudo, é que somos a minoria. A minoria que vive sua vida. A minoria caseira, que curte algo mais familiar. A minoria que precisa descansar, porque convenhamos, a noite foi feita pra dormir.

Fico pensando... Se na minha casa, que fica umas duas casas de distancia de onde está ocorrendo a "esbórnia", já não conseguimos dormir, imagine só, quem está parede com parede com esse condenado? (Com todo respeito...)

Depois de ter acordado com a máquina de lavar demoníaca da vizinha fazendo barulho as 8h da manhã em pleno sábado, eu tinha esperanças de que minha noite seria melhor... Triste engano...

Poxa vida, ninguém pensa que velhinhos estão querendo dormir? Nenéns estão assustados pelo barulho, e que podem ficar até doentes por conta disso? Não pensam que pessoas trabalham, ficam cansadas e que querem descansar? Essas pessoas não tem família? É isso que muitas vezes aparenta...

E o respeito não deveria existir somente nessas situações...Mas em tudo na vida!

Mas o que espero que possa mudar em pessoas que não respeitam os próprios pais? Será que o respeito e pessoas respeitosas estão em extinção?

Bem que um dia, depois de uma noite de diversão desses meus companheiros de CEP estiverem em suas casinhas, deitadinhos, tentando dormir, eu ligar o som, eu fazer uma balada, pra o primeiro que aparecer, levar tiro na cara.

É tão difícil ser correto hoje em dia... Por que motivos deixamos o mundo virar isso? Serião, 2012 realmente poderia ter acontecido.

Obrigado pela Atenção e dividir essa imensa dor de cabeça com minha pessoa.
Beijos e Boa Noite pra quem tem sorte de conseguir dormir aos fins de semana...


terça-feira, 2 de abril de 2013

Vida de Uma Garota Nerd de Volta! Explicações e Historinhas da Vida Real...

Boooas Noites prezados Leitores!
Como vão todos vocês? Que saudades de estar aqui *-*

Primeiramente gostaria de pedir desculpas aos leitores e amigos que costumavam ler o blog... Meio que o "tesão" acabou por algumas razões... Aliás "tantas coisas aconteceram..."(risos).
Mas o que realmente importa agora é que estou de volta... E é agora que vamos colocar essa P@$%# pra funcionar de novo!

Mas Titia Rooh Chan, por que você não escreveu mais no Vida de Uma Garota Nerd?

- Bem meus queridos, houve uma época em que eu duvidava de minha nerdisse... Tão preocupada com o TCC da minha querida ETEC que desanimei muito. E aliás, me formei  em Serviços Jurídicos *palmas virtuais para mim*
Para os senhores terem uma ideia do quanto desanimada esta que vos fala ficou, não tinha coragem nem de assistir anime... Pois é.. Tava feia a coisa...

Após o termino da ETEC arrumei um emprego que me escravizava. Ou seja, nada de anime, games, filmes ou Vida de Uma Garota Nerd...

1. O primeiro Emprego

Sim...Eu trabalhei. Mas não trabalho mais =D 3 meses de salário mínimo que ainda me pergunto aonde foi parar... Mas enfim, me senti rica (com um salário mínimo) e descobri o quão entediante é trabalhar em uma loja as vezes... E o quão perigoso pode ser também... Mas o mais engraçado desses 3 meses que passaram,  foi só a confirmação que eu realmente não sou uma pessoa sociável... Não sou sem educação, porém no fundo no fundo, nem ouvia o que as pessoas estavam dizendo...
Será que foi por isso que fui mandada embora? Enfim...


2. A Decepção

Outro motivo por ter parado de escrever no blog foi a promoção mal-sucedida de conseguir 100 likes na page do Facebook do Blog. Promoção de aniversário de 1 ano. Se eu tivesse esperado um pouco, mais precisamente 2 anos, eu teria esses 100 likes sem pedir. Aliás, agora em Junho de 2013, o blog faz 2 anos...   E a page está com 96 likes... Ironia não? 
Deixa pra lá...


3. Os outros Afazeres

Não sei se comentei em algum post anterior, e acho muito provável que não, mas encontrei um companheiro... Igualzinho a mim.Tão igual, que as pessoas acham que somos irmãos. E se surpreendem vendo a gente se beijar na boca.
Antigamente, meus sábados á noite eram totalmente dedicados aos rituais de sempre: Lavar meu cabelo, pintar minhas unhas, ver anime ou assistir algum filme, conversar com meu primo Sibilim e escrever no Vida de Uma Garota Nerd. Isso no 1º ano de Blog.
Assim que comecei a ETEC isso diminuiu muito. E também porque eu estava estudando de manhã e á noite. Não tinha mais tempo de pintar as unhas. Os animes foram se reduzindo cada vez mais. Eu só queria saber de dormir.
Quando o Ensino Médio acabou, fiquei de boa, só com a ETEC. Então imaginei que teria todo o tempo do universo para todos meus rituais otakus. Comecei a namorar.
Aí aos sábados era praticamente impossível interagir com os amigos da internet. Mas eu sempre dava um jeitinho.
Namorado maravilhoso e compreensivo. Se não me largou até agora, acho que não larga mais (risos).
Porém, após terminar a ETEC comecei a trabalhar. Como disse, regime de escravidão... 


4. Nunca Trabalhe de Segunda á Sábado!

Nunca! Never! Nain! Lie! No! E não sei mais...
Um dia somente pra descanso... 
Sábado eu chegava em casa e dormia no sofá. E no domingo, se deixassem, eu dormiria o dia todo... Pensando bem, até que me fez bem ser demitida. Tenho todo o tempo do mundo agora...


5. Tenho Todo o Tempo do Mundo Agora. Mas... E agora?

E agora? Sem trabalhar, não podia mais passear, nem ir no Mc Donnald's... Não estou estudando... A solução é...Ficar em casa pra sempre! O sonho de qualquer um... Porém, não por muito tempo... Os dias de folga começaram a me irritar. E comecei a ficar triste.... E minha companheira volta a cena...


6. Depressão

Aham. Depressão. Ideias como: "Sou inútil, não consigo ficar empregada..." ou "Sou burra... Porque não comecei a fazer faculdade antes?". Aí os dias foram passando e o pensamento mudou para "Sou tão inútil que não consigo nem arrumar um emprego novo..."
E aí comecei a ver tantas coisas que eu comecei e não terminei que ia ficando mais triste ainda.
Mas um dia, meu pensamento mudou totalmente... Dei tchau pra todos esses pensamentos e resolvi fazer tudo o que sempre me animou de novo, tentando não me importar com os acontecimentos e deixando o tempo se encarregar de resolver tudinho =D


7. Conclusão

Não tenho um emprego, não estou estudando mas estou feliz (Y)


Bem Vindos de Volta ao Meu Mundo... E dessa vez, não vou deixar que nada me afaste dele, porque sou isso daqui, e toda vez que eu me afastar, terei que voltar. É mais forte que eu... E eu amo muito ser assim... =D


Grande beijo á todos